O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, afirmou hoje que questão da lotação do Santuário de Fátima para a peregrinação do 13 de outubro deve estar acertada com as autoridades de saúde.

“Vou falar com o senhor reitor para saber quantos [peregrinos] são e como serão, mas é uma realidade que deve estar a ser acertada com as autoridades sanitárias”, disse esta noite Marcelo Rebelo de Sousa, antes de um jantar com empresários de Fátima, no concelho de Ourém.

O chefe de Estado falava sobre a lotação de seis mil peregrinos anunciada pelo Santuário de Fátima, para a peregrinação internacional do 13 de outubro.

Marcelo Rebelo de Sousa afirmou ainda que no dia 13 de outubro estará, “em princípio” em Bruges, “numa homenagem ao dr. Mário Soares, na abertura do ano escolar do College of Europe em que ele é o patrono”.

“Como Presidente da República Portuguesa fui convidado para representar Portugal”, acrescentou.

O cardeal António Marto apelou hoje para a responsabilidade cívica dos participantes na peregrinação de 12 e 13 de outubro, no Santuário de Fátima, cujo acesso estará limitado a cerca de seis mil pessoas devido à pandemia.

Com Lusa