Assinar Edições Digitais

Ladrão de gasóleo cumpre 75 horas de trabalho comunitário para evitar processo

A PSP apreendeu mangueiras e recipientes usados na prática do crime

Detido na posse de recipientes (Foto de arquivo/ilustração)

Um homem de 56 anos, detido pela PSP das Caldas da Rainha quando furtava combustível de um camião, vai cumprir 75 horas de trabalho comunitário para evitar o prosseguimento do processo judicial.

A decisão foi tomada esta segunda-feira, dia 9, pelo Procurador da República, que ouviu o arguido em interrogatório sumário e propôs a suspensão provisória do processo mediante cumprimento do trabalho a favor da comunidade.

O homem foi detido em flagrante delito na madrugada de domingo, dia 8, quando se encontrava a furtar gasóleo do depósito de combustível de um camião.

No decorrer da ação normal de patrulhamento, e após terem conhecimento da ocorrência, os agentes policiais constataram que o arguido “se encontrava no interior da sua viatura, tendo já vários recipientes cheios de gasóleo, retirado de um camião estacionado nas proximidades”.

A PSP apreendeu mangueiras e recipientes usados na prática do crime.