É em passo de corrida que duas senhoras atravessam a entrada do Centro de Recolha Oficial de Animais (CROA) de Porto de Mós, fugindo entre os pingos da chuva. Vieram tentar a sua sorte e candidatar-se para serem voluntárias.