Assinar
Leiria Exclusivo

Ruas de vilas e cidades acendem as luzes a um Natal menos animado mas mais solidário

Época gorda para o comércio e para a animação nas cidades, a mais tímida quadra natalícia dos últimos anos está a instalar-se na região. Com os cuidados sanitários a falarem mais alto, a animação natalícia quase desapareceu. Já a iluminação das ruas, persiste. Autarquias prometem reforço do músculo solidário

A pandemia trouxe consigo a mudança de hábitos. Até na forma como se assinala o Natal. Os ajuntamentos não são aconselháveis, a animação perde fulgor e, neste contexto de emergência sanitária, que rapidamente escala para crise económica e social, esta época não será o que era.

Em Porto de Mós, a animação usual, deu lugar a cabazes aos mais desprotegidos.