Assinar
Porto de Mós

Sintomas de intoxicação alimentar em Porto de Mós levam nove crianças ao hospital

Sintomas de intoxicação alimentar surgiram cerca de hora e meia depois do almoço

Viatura do INEM

Nove crianças de um grupo de 51 foram hoje transportadas para o Hospital de Santo André, em Leiria, na sequência de sintomas de uma intoxicação alimentar em Juncal, no concelho de Porto de Mós, disse fonte da Proteção Civil.

Segundo o comandante distrital de operações de socorro de Leiria, Carlos Guerra, trata-se de “crianças de um colégio da Marinha Grande, com idades entre os três os nove anos, que foram para uma unidade de turismo no Juncal passar o dia”.

As primeiras indicações apontavam para quatro hospitalizações. No local, de acordo com o que adiantou ao REGIÃO DE LEIRIA, Jorge Vala, presidente da Câmara de Porto de Mós, as autoridades estão a fazer a triagem dos casos, consoante a gravidade que apresentam. O autarca adianta que nalguns casos, a hospitalização é decidida por uma questão de prevenção.

De acordo com informação do Comando Distrital da Proteção Civil de Leiria, o alerta foi dado pelas 16h14 desta tarde, apontando-se, inicialmente, para vinte as crianças afetadas. O número é, todavia, superior.

“Das 51 crianças, 29 apresentaram sintomas de intoxicação alimentar uma hora e meia após o almoço, almoço que foi transportado pelo próprio colégio”, esclareceu Carlos Guerra.

O comandante distrital adiantou à agência Lusa, cerca das 18h20, que, “destas 29 que apresentaram sintomas, nove já foram transportadas para o hospital de Leiria”.

“A previsão é a de que todas as vítimas sejam conduzidas para unidades hospitalares da região”, enquanto as restantes crianças, que “não apresentavam sintomas, já regressaram a casa”.

Àquela hora, estavam no local uma ambulância de suporte imediato de vida de Alcobaça, a viatura médica de emergência e reanimação de Caldas da Rainha, e ambulâncias de socorro dos corpos de bombeiros do Juncal, Porto de Mos, Alcobaça, Maceira e Benedita, com um total de 16 veículos e 33 operacionais.

O presidente da Câmara de Porto de Mós, Jorge Vala, que se encontrava no local naquela hora, acrescentou que sete adultos acompanhavam este grupo de crianças, sendo que os Bombeiros Voluntários do Juncal estão a coordenar a operação em conjunto com o INEM.

No local estão também a autoridade saúde pública e a Proteção Civil Municipal, disse Jorge Vala.

Com Lusa

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.