Assinar


Cultura

Arte xávega navega no palco de Leiria durante duas noites seguidas

Espetáculo, com entrada livre, sobe ao palco esta quarta e quinta-feira.

É um ato performativo, remete para a tradição da arte xávega e chega esta semana ao Teatro José Lúcio da Silva, em Leiria. Chama-se “Meia Praia Mar”.

O coletivo DEMO (Dispositivo Experimental, Multidisciplinar e Orgânico), autor do projeto que nasce a partir da arte xávega, explica no que se traduz a performance agendada para as noites de quarta e quinta-feira: “propõe o cruzamento entre teatro, dança, cinema e antropologia, enquadrando o património cultural da arte xávega na paisagem envolvente, entre o mar e o pinhal”.

O projeto “Meia Praia Mar”, explicam ainda, “pressupõe a criação de um espetáculo (Meia Praia Mar), um objeto sonoro (Sopro Salgado) e uma curta-metragem (Estrada Atlântica)”.

O espetáculo, com entrada livre, mas sujeita a reserva, sobe ao palco do Teatro José Lúcio da Silva, em Leiria, às 21h30 de 22 e 23 de setembro, ou seja, esta quarta e quinta-feira.

Em nota à imprensa, o coletivo DEMO conta que foi com a colaboração da Companha Flôr da Praia Azul e da Junta de Freguesia de Coimbrão que “realizamos o reconhecimento do território da Praia do Pedrógão (mar, praia, dunas, pinhal), entrevistámos antigos pescadores, peixeiras e mestre de redes, acompanhámos a ida ao mar da Companha, frequentámos o Mercado e tomámos o pulso da Vila antes da época balnear e depois, com a chegada dos filhos emigrados”.

O espetáculo, explicam, foi desenhado para ser apresentado ao ar livre, “num pequeno areal junto ao Barracão da Flôr da Praia Azul – a única Companha de arte xávega que vai ao mar na Praia de Pedrogão”. Agora, apresentam a “versão de palco, entre a carcaça de um barco abatido e a areia que trazemos fundida ao corpo, para desenterramos memórias deste ir e vir das redes, esperando contribuir para que este Património saia da invisibilidade”.

A reserva de entradas para o espetáculo pode ser feita pelo telefone 244 823600, sendo o levantamento obrigatório de bilhete na bilheteira, todos os dias entre as 18h e as 22h e até uma hora antes do espetáculo.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.