Assinar


Ourém

Gastronomia coreana foi prato-forte em concurso numa escola de Fátima. Bibimbap venceu

Song Oh, embaixador da Coreia do Sul em Portugal, acompanhado da esposa, assumiram funções de júri no concurso que colocou à prova os dotes dos alunos da escola.

Bibimbap, prato coreano que contem arroz, vegetais e carne, foi o vencedor. Mas houve mais especialidades coreanas em cima da mesa, em Fátima: Kimchie, Mantu, Bibimbap, Bolgoki, Japchae, Namul, Pa jeon, entre outros.

A gastronomia coreana foi o prato-forte da iniciativa levada a cabo pela Escola de Hotelaria de Fátima, dia 11.

Song Oh, embaixador da Coreia do Sul em Portugal, acompanhado da esposa, assumiram funções de júri no concurso que colocou à prova os dotes dos alunos da escola.

Já os critérios de avaliação foram definidos pelo Instituto Hanski, entidade que se dedica à promoção da gastronomia da Coreia do Sul.

As pontuações foram semelhantes e elevadas, explica a escola numa nota enviada à imprensa. Ainda assim, houve quem se tivesse destacado. Foi o caso de Diana Pereira, aluna do curso de Cozinha/Pastelaria 19.22 e que arrecadou o primeiro lugar com a confeção de um Bibimbap.

Francisco Moreira, do curso de Cozinha/Pastelaria 20.23, foi o segundo classificado.

A final, contou com avaliação das diversas participações, a cargo da direção da escola e dos chefes Yannick Genard e José Abelho que prestaram apoio no evento, em coordenação com Elisabete Marques, responsável pela direção técnica e pedagógica da escola.

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é assinante, entre com a sua conta. Entrar