Assinar
Futebol

União de Leiria joga primeira de três finais este sábado e quer casa cheia

Entrada no jogo custa 2,50 euros e ingresso pode ser trocado pela entrega de bens essenciais que são encaminhados para campanhas de apoio a refugiados ucranianos.

UDL/Márcio Menino

Três pontos e os aplausos de 5.638 adeptos, mas nada está garantido. Bem pelo contrário. A União de Leiria vai ter que continuar a vencer, se quiser continuar na luta pela subida à II Liga.

Com a vitória por 2-1, no passado sábado, frente ao Vitória FC, a União de Leiria subiu à terceira posição, com quatro pontos, menos um do que o Sp. Braga e a UD Oliveirense, mas faltam três partidas. Três finais.

A primeira é já amanhã, sábado, pelas 15 horas, precisamente com a receção ao líder Sp. Braga, equipa que venceu os leirienses no encontro da primeira volta da fase final (1-0).

Resultado diferente é o querem os leirienses que querem repetir o cenário vivido, na última jornada, com o Vitória FC, em Leiria. A penúltima jornada está agendada para 25 de abril (20 horas) em Leiria, frente à UD Oliveirense, e depois a 1 de maio, deloca-se a casa do Vitória FC.

Este sábado, os leirienses, orientados por Bino Maçães, querem não só os três pontos da vitória, que permitem continuar a lutar pelo objetivo da subida, como contar com as bancadas bem compostas.

A equipa detém, desde a semana passada, o recorde de assistência da Liga 3: 5.683 adeptos. A “receita” deverá ser novamente utilizada para o jogo com os bracarenses.

Os ingressos custam 2,50 euros mas a entrada no estádio vale mais do que isso.

É que face à atual situação vivida na Ucrânia, a União de Leiria está a oferecer a receita de bilheteira, dos jogos em casa, aos Serviços de Ação Social do Município de Leiria, que estão a acompanhar os refugiados alojados no Centro de Acolhimento Temporário.

Toda a receita obtida será convertida em bens (produtos de higiene e artigos de saúde) e entregues à campanha SOS Ucrânia.

Os sócios têm entrada gratuita e podem fazer-se acompanhar de mais cinco adeptos. Ainda assim, o clube apela a que participem na entrega de bens, bem como aos não sócios e adeptos minhotos, que podem “trocar” o preço do bilhete pela entrega bens essenciais nas portas de acesso ao estádio.

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é assinante, entre com a sua conta. Entrar

Deixar um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

Artigos relacionados

Subscreva!

Newsletters RL

Saber mais

Ao subscrever está a indicar que leu e compreendeu a nossa Política de Privacidade e Termos de uso.