Assinar

diamond princess

Adriano Maranhão, ao REGIÃO DE LEIRIA: “Sim, já posso deixar a unidade hospitalar”

“Ainda não estou a tratar disso [da viagem de regresso] com a companhia. Em principio amanhã [segunda-feira, dia 2] deixo a unidade hospitalar”, adiantou o tripulante do navio Diamond Princess.

Exclusivo. “Ninguém me traz comida há 24 horas”

O homem de 41 anos natural da Nazaré, Adriano Luís Maranhão, tripulante do navio Diamond Princess, ancorado no Japão, o primeiro português diagnosticado com Coronavírus, deu uma entrevista em exclusivo ao REGIÃO DE LEIRIA.

Subscreva!

Newsletters RL

Ao subscrever está a indicar que leu e compreendeu a nossa Política de Privacidade e Termos de uso.