Assinar
Cultura

Arquivista: os cadernos do milénio Fade In

A apresentação é a de uma requintada caixa de bombons – e é mais ou menos isso que é “Arquivista”, publicação lançada sábado pela associação que organiza o festival Fade In.

A apresentação é a de uma requintada caixa de bombons – e é mais ou menos isso que é “Arquivista”, publicação lançada sábado pela Fade In, a associação que há dez anos organiza em Leiria o festival com o mesmo nome.

Na primeira edição (500 exemplares numerados), estes “cadernos do terceiro milénio” (de publicação quadrimestral) dedicam-se à música, literatura, artes plásticas e ócio, através de entrevistas e outros textos de natureza variada, assinados por diversos convidados.

Na caixa, há ainda um envelope de fotografias e um CD que é uma excelente revista cultural, num registo podcast: há entrevistas à pintora Sílvia Patrício, uma deliciosa reportagem na taberna Lagoa, dá-se notícia do lançamento do novo disco dos Desbundixie, uma conversa de café entre Paulo Lameiro e Clara Leão e opiniões várias sobre o melhor e o pior de Leiria.

Em Leiria, a “Arquivista” está à venda na discoteca Alquimia (CC D. Dinis), discoteca Auditu (CC Maringá) e livrarias Arquivo e Letras e Livros. E vale bem os dez euros que custa.

(actualizada a 4 de Março de 2010)

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.