Assinar
Mercado

EDP sem tempo para empresários, acusa NERLEI

Deficiências no abastecimento estão a deixar empresários e eléctrica de candeias às avessas. Agora, a Associação Empresarial da Região de Leiria (NERLEI) queixa-se de não conseguir reunir com a EDP.

Falhas no fornecimento estão a deixar empresários e eléctrica de candeias às avessas. Agora, a Associação Empresarial da Região de Leiria (NERLEI) queixa-se de não conseguir reunir com a EDP para discutir a qualidade do serviço, mas a distribuidora nega a acusação.

Num comunicado com o título “EDP não tem tempo para reunir com a NERLEI”, a associação empresarial diz ter pedido um encontro há um mês. Como pano de fundo, um inquérito a 413 empresas em que 91,2 por cento declaram ter sido afectadas por anomalias no fornecimento de electricidade durante o ano passado, com consequências graves, incluindo paragem da produção e danos em equipamentos.

Em declarações à agência Lusa, a EDP Distribuição garante estar “aberta para reunir com a NERLEI” através da direcção comercial e “à espera que a direcção da NERLEI marque uma reunião”. Mas o presidente da NERLEI, José Ribeiro Vieira, considera que a direcção comercial não é o interlocutor adequado. E admite convocar uma assembleia geral de associados para discutir o problema, se nada se alterar até ao final de Março.

Entretanto, as falhas no serviço da EDP às empresas foram discutidas na Assembleia Municipal de Leiria por iniciativa do deputado e empresário Leonel Costa, tendo também sido alvo de críticas na Assembleia Municipal da Batalha.

O inquérito realizado pela NERLEI permitia concluir que “o fornecimento de energia eléctrica é deficiente e influencia negativamente a competitividade das empresas do distrito”.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.