Assinar Edições Digitais
Sociedade

Funcionária da Segurança Social esfaqueada por utente em Caldas da Rainha

Uma funcionária do Instituto de Segurança Social (ISS) das Caldas da Rainha foi hoje de manhã esfaqueada por um utente que se colocou em fuga após o ataque, mas que a PSP acabou por deter.

Uma funcionária do Instituto de Segurança Social (ISS) das Caldas da Rainha foi hoje de manhã esfaqueada por um utente que se colocou em fuga após o ataque, mas que a PSP acabou por deter.

O indivíduo, de 27 anos, “entrou nas instalações e dirigiu-se de imediato à funcionária, espetou-lhe uma faca na região lombar e fugiu” disse à Lusa o comandante da Divisão das Caldas da Rainha da PSP, Cardoso da Silva.

A funcionária, de 53 anos, foi transportada para o hospital das Caldas da Rainha com uma ferida perfurante na região lombar, encontrando-se “em estado grave, mas estável” confirmou à Lusa Joaquim Urbano, adjunto da diretora clínica.

A vítima foi ao início da tarde submetida a uma cirurgia “para verificar a extensão das lesões” acrescentou.

O incidente ocorreu minutos antes das 10:30, tendo a PSP encetado uma perseguição que culminou com a detenção do agressor que deverá ser presente ao Tribunal das Caldas da Rainha terça feira.

A PSP desconhece ainda as motivações do agressor, mas Cardoso da Silva admite que “poderão ter a ver com a própria actividade da segurança social”.

Arlindo Francisco, adjunto do diretor do Centro Distrital de Segurança Social de Leiria confirmou `tratar-se de “um utente que se encontrava a receber subsídio social de desemprego” mas desconhece também “as circunstâncias que terão levado a este incidente”.

Os serviços que se mantiveram encerrados durante a manhã reabriram no período da tarde e Arlindo Francisco assegura que “estão a funcionar com normalidade”.