Um militar da GNR, de 25 anos, morreu ontem de manhã atropelado no IC8, no concelho de Ansião, disse à agência Lusa fonte do Centro Distrital de Operações de Socorro de Leiria.

O atropelamento, segundo a mesma fonte, ocorreu cerca das 08:40, na localidade de Boavista, freguesia de Santiago da Guarda, quando o soldado estava em serviço.

Fonte do Comando Territorial da GNR de Leiria explicou à Lusa que o jovem militar foi colhido na berma da estrada pelo reboque de um camião que se despistou, por causas ainda não apuradas.

O soldado, que integrava a patrulha de serviço no posto de Ansião, estava a tomar conta da ocorrência de um despiste de uma viatura ligeira em que seguia uma militar da GNR, em viagem para uma formação interna em Leiria, que não sofreu ferimentos.

“A vítima tinha ido identificar o quilómetro em que ocorreu o despiste e no regresso ao local do acidente foi colhido, por trás, por um veículo pesado que se despistou”, referiu ainda fonte do comando da GNR de Leiria.

O corpo foi removido para o Instituto de Medicina Legal de Tomar.

O militar era natural e residente em Cantanhede, distrito de Coimbra.

No local estiveram os bombeiros de Ansião com seis homens e três viaturas, uma equipa da Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) de Coimbra, além de militares da GNR do posto territorial de Ansião e do Destacamento de Trânsito.