A Aníbal H. Abrantes é o promotor líder de um projecto colectivo na indústria de moldes que visa a produção sustentável.

A candidatura encabeçada pela empresa do Grupo Iberomoldes, totalizando 8,3 milhões de euros, acaba de merecer luz verde para financiamento por fundos comunitários.

Visando a produção sustentável de elevado desempenho, o ToolingEDGE reúne 18 empresas e sete entidades do sistema científico, entre as quais o Instituto Politécnico de Leiria e o Centro Tecnológico da Indústria de Moldes, Ferramentas Especiais e Plásticos (Centimfe), na Marinha Grande.

O projecto desenvolve-se no quadro do pólo de competitividade e tecnologia Engineering & Tooling, tendo como parceiros a associação Pool-Net e uma empresa industrial. A coordenação científica cabe ao Instituto Superior Técnico. O incentivo no âmbito do QREN ascende a cinco milhões de euros.

O ToolingEDGE visa preparar as PME do sector para serem competitivas e ecologicamente eficientes nos mercados da aeronáutica, saúde, embalagem, automóvel e electrónica. Para tanto, contempla a exploração de tecnologias e metodologias, o desenvolvimento do produto ou do molde e a avaliação dos impactos ambientais. Também pretende criar sistemas que alimentem a indústria com informação relevante.