Assinar Edições Digitais
Sociedade

Câmara de Alvaiázere subsidia suplementos alimentares na escola

O município de Alvaiázere vai atribuir um subsídio mensal de 120 euros ao agrupamento de escolas do concelho. A verba será utilizada no pagamento de suplementos alimentares – pequenos-almoços e lanches – aos alunos carenciados.

O município de Alvaiázere vai atribuir um subsídio mensal de 120 euros ao agrupamento de escolas do concelho. A verba será utilizada no pagamento de suplementos alimentares – pequenos-almoços e lanches – aos alunos carenciados.

Para já, estão sinalizados 13 crianças. “O agrupamento está muito atento e percebeu que estes alunos dependiam do almoço que comiam na escola”, revela o presidente da Câmara, Paulo Tito Morgado. Como a escola não tinha dinheiro para intervir, a autarquia decidiu, pela primeira vez na história do concelho, criar um subsídio especial para estes casos. “Todos os anos gastamos dinheiro noutras coisas e esta é forma de fazer o bem, gastando pouco”, nota Paulo Morgado.

O agrupamento garante, agora, que – além do almoço, que já era financiado – os alunos tomam o pequeno-almoço à chegada à escola e que lancham antes de voltar a casa. “A ajuda está a ser dada de forma muito discreta, para não gerar situações de discriminação entre as crianças”, frisa Paulo Tito Morgado.

O autarca mostra-se disponível para aumentar o subsídio municipal, se os responsáveis entenderem que é necessária mais ajuda. “O agrupamento tem sido uma peça fundamental, consegue percepcionar as dificuldades, e sempre que houver necessidade, terá a câmara como parceira”, garante.

Sandra Mesquita Ferreira
sandra.ferreira@regiaodeleiria.pt