Assinar
Sociedade

Professor da ESTG morre aos 46 anos

Paulo José Limão Gata de Amaral Rodrigues, docente da Escola Superior de Tecnologia e Gestão (ESTG) do Instituto Politécnico de Leiria (IPL), morreu na passada segunda-feira, aos 46 anos, vítima de doença.

Paulo Gata Amaral numa conferência do REGIÃO DE LEIRIA em 2008

Licenciado em Engenharia Eletrotécnica e mestre em Sistemas e Automação, Paulo Gata Amaral lecionava na ESTG desde 1994. Foi responsável por várias unidades curriculares, em diferentes curros da ESTG, com destaque para as áreas científicas de Gestão de Energia e de Automação Industrial, nas quais orientou múltiplos projetos. Em 2008, foi um dos oradores da conferência “Construção Sustentável – por uma ca(u) comum” que o REGIÃO DE LEIRIA promoveu, em Porto de Mós.

O presidente do IPL Nuno Mangas, recorda “a forma franca, direta e aberta” com que Paulo Gata abordava os assuntos e destaca, “a lealdade como colega e amigo, e a sua capacidade de trabalho e de envolvimento em múltiplas atividades”. Refere que os percursos de ambos se cruzaram em Coimbra, onde estudaram, e depois na ESTG, onde ingressaram no mesmo dia e para o mesmo departamento.

Paulo Gata era natural de Viseu. O seu corpo foi sepultado, na passada terça-feira, no concelho de Fornos de Algodres, distrito da Guarda.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.