Assinar Edições Digitais
Sociedade

Um dia na vindima biológica da Quinta da Serradinha (vídeo)

O REGIÃO DE LEIRIA acompanhou um dia de vindima na Quinta da Serradinha, a única na região que produz vinho biológico.

O REGIÃO DE LEIRIA acompanhou um dia de vindima na Quinta da Serradinha, a única na região que produz vinho biológico. Desde 1994, a quinta – que produz vinho há três gerações –  distingue-se pela certificação da produção. 

Em ano climatérico instável, com humidades altas, temperaturas baixas e muita chuva, António Marques da Cruz perspetiva um recuo da produção na ordem dos 30%.

O excesso de pluviosidade em setembro trouxe podridão, prejudicando o resultado final da vindima. Já os custos do trabalho aumentaram, cerca de 50%, devido à necessidade de dedicar mais tempo à escolha.

Na Quinta da Serradinha, que só produz vinhos biológicos – e que sublinha essa particularidade com uma joaninha de plástico na rolha -, todo o processo é executado à mão e para caixas.

Mas nem tudo são más notícias: há qualidade e alguns vinhos podem atingir um nível invulgar.

Em relação ao perfil dos próximos néctares, António Marques da Cruz está otimista: “Vai ser um ano bastante interessante, com tintos mais elegantes e delicados”.

IMG_8446
O clima instável faz prever uma redução na produção de 30%. Mas a qualidade até pode subir (fotografia: Joaquim Dâmaso)

Leia a reportagem completa sobre as vindimas na edição de 9 de outubro de 2014