O PS reconquistou hoje a Câmara do Bombarral, 24 anos depois, que nos últimos mandatos era do PSD.

Os socialistas alcançaram a maioria absoluta e elegeram Ricardo Fernandes, que quer melhorar os indicadores do concelho, para a presidência do município.

O PS ganhou com 48,94% dos votos, elegendo quatro mandatos para a Câmara, enquanto a coligação PSD/CDS-PP conseguiu 37,24%, elegendo três elementos, tendo a CDU perdido o vereador, com 7,88%, segundo dados do Ministério da Administração Interna.

Ricardo Fernandes afirmou à agência Lusa que “o PS não ganhou a Câmara ao PSD, mas conquistou o Bombarral na região Oeste” e, uma vez eleito, quer ser “o presidente de todos os bombarralenses”.

O socialista justificou estes resultados com o facto de os cidadãos sentirem que, com a gestão do PSD, que desde 2013 se aliou ao CDS-PP para ter maioria, havia o sentimento de “perda de qualidade em comparação a outros concelhos da região Oeste”.

“O Bombarral regista índices fraquíssimos no Oeste, com a qualidade de vida a diminuir em comparação com outros concelhos vizinhos”, disse, tendo como objetivo contrariar essa tendência.

Por outro lado, justificou, o resultado deve-se também à equipa que apresentou.

Apesar das várias tentativas, a agência Lusa não conseguiu até ao momento obter uma reação da coligação de direita.

O candidato da coligação PSD/CDS-PP, José Manuel vieira, era presidente da câmara desde 2009 e recandidatava-se ao último mandato.

O PS ganhou também para a assembleia municipal e duas das quatro freguesias do concelho.