Assinar Edições Digitais
Marinha Grande

Marinha Grande: PJ detém suspeito de incêndio em habitação no meio do pinhal

Um homem foi detido pela Polícia Judiciária de Leiria por suspeita de fogo posto numa habitação, situada no interior de um pinhal, no passado dia 3, na Marinha Grande.

Um homem foi detido pela Polícia Judiciária de Leiria por suspeita de fogo posto numa habitação, situada no interior de um pinhal, no passado dia 3, na Marinha Grande.

O presumível incendiário, de 46 anos, terá ateado o fogo com um isqueiro no decurso de uma desavença familiar. A casa, propriedade de uma familiar direta da sua companheira e situada numa zona conhecida como “Casal dos Ossos”, ficou destruída.  

Segundo comunicado do Departamento de Investigação Criminal da PJ de Leiria, “o incêndio colocou ainda em risco outras habitações e outros edifícios ali implantados, assim como toda a mancha florestal envolvente”. E só não atingiu outras proporções” face à pronta e eficaz intervenção dos bombeiros”, acrescenta.

Presente a tribunal, o suspeito, sem ocupação laboral, está obrigado a apresentações semanais em posto policial e ficou ainda proibido de contactar a ex-companheira e familiares desta e de frequentar ou permanecer no local onde ocorreram os factos.