É natural da Marinha Grande e por lá começou a jogar. Fez a sua formação na União de Leiria e cedo despertou a curiosidade dos adeptos de futebol pela forma como trata a bola. Ontem esteve em destaque no jogo da 3ª eliminatória da Taça de Inglaterra.

Após três jogos na equipa de sub23 do Wolverhampton, clube para o qual se transferiu esta época, e com dois golos marcados, esta quarta-feira, Bruno Jordão estreou-se na equipa principal e logo com um golo.

O jogador rematou de longe e, com uma (pequena) ajuda do guarda-redes do Reading, outro português, João Virgínia, inaugurou o marcador aos 27 minutos. A estreia na equipa principal não foi perfeita, pois o jogador lesionou-se aos 42 minutos e acabou por ser substituído.

O Reading chegou ao empate aos 90+9 mas a eliminatória terminou com a vitória nas grandes penalidades (4-2) para a equipa do “menino bonito” da União de Leiria.

Aos 20 anos, o médio, que esteve duas épocas na Lázio, onde continuou a vestir o número 66, usa agora a camisola 6.