Estupefacientes e dinheiro apreendidos na Guia Foto: GNR

Drogas várias, armas e dinheiro apreendidos em Pombal Foto: GNR

Quatro pessoas foram detidas no fim de semana no concelho de Pombal por tráfico de droga, divulgou hoje o Comando Territorial da GNR de Leiria.

Domingo, 17 de novembro, o Posto Territorial de Guia deteve na localidade dois homens de 18 e 30 anos, por tráfico de droga.

Segundo a nota divulgada, numa ação de patrulhamento a uma zona referenciado por consumo e tráfico de estupefacientes, os militares abordaram uma viatura, tendo o condutor admitido que tinha na sua posse 24 doses de haxixe.

Na mesma zona foi ainda detido um segundo suspeito por tráfico de droga. Após realização de busca à residência do suspeito foram apreendidas 1.502 doses de haxixe, 2,4 g de alucinogénios, “estupefaciente que provoca fortes alucinações”, e 2.975 euros, dinheiro “proveniente da venda de produto estupefaciente”.

Os detidos foram constituídos arguidos e os factos remetidos ao Tribunal Judicial de Pombal.

No dia anterior, sábado, 16 de novembro, o Núcleo de Investigação Criminal de Pombal deteve na cidade de Pombal um casal de 44 e 48 anos pelo crime de tráfico de estupefacientes.

A ação resultou de uma investigação de sete meses, por suspeitas de tráfico de estupefacientes ocorrido em Pombal. Os militares da GNR deram cumprimento a cinco mandados de busca, três domiciliárias e duas a veículos, na sequência das quais foram apreendidos: 555 doses heroína, dez doses de haxixe, cinco doses de cocaína, três armas de fogo, 60 munições, Dois telemóveis, uma balança e uma das viaturas.

Um dos detidos, com antecedentes criminais por posse ilegal de arma, furto, roubo, burla, condução sem habilitação legal, condução perigosa, condução de veículo sob o efeito de álcool, introdução em local vedado ao público, ofensas à integridade física e tráfico de estupefacientes, encontrava-se em liberdade condicional, desde 2016.

Ainda de acordo com a GNR, os detidos encontram-se neste momento a ser presentes ao Tribunal Judicial de Leiria, para primeiro interrogatório judicial e aplicação das medidas de coação.