Mais de 1.800 presépios de 90 artesão estarão expostos nas Gaeiras, no concelho de Óbidos, a partir de sábado, numa mostra que conta nesta edição com peças premiadas em vários países, divulgou a Câmara Municipal.

“Um presépio em madeira, do escultor José Costa, que já viu as suas peças premiadas em vários países” é, segundo a Câmara de Óbidos, a “principal novidade” da 13.ª edição da Grande Exposição de Presépios das Gaeiras.

A mostra, que decorrerá entre sábado e o dia 29 deste mês, contará com mais 1.800 presépios, construídos por cerca de 90 artesãos e que poderão ser vistos no Convento de S. Miguel das Gaeiras.

Organizada pela junta de freguesia daquela vila do concelho de Óbidos, no distrito de Leiria, a mostra de presépios “é já uma referência para os colecionadores a nível nacional”, refere a organização numa nota de imprensa.

Os presépios em exposição primam pela diversidade de materiais utilizados, estando presentes obras em cerâmica, bolotas, madeira, ferro, tecidos, joalharia, papel e latas de sardinha, entre muitos outros.

Ainda segundo a organização, “há uma elevada procura de artistas em participar na mostra” que conta, este ano, com novos artistas e “expositores que participam desde a primeira edição”.

Na exposição estará ainda uma ceramista residente, a artesã Paula Clemente, autora de presépios em barro que representam as aldeias saloias da região.

Tal como na edição de 2018, a mostra contará ainda com “presépios feitos por famílias cristãs, da Terra Santa, em madeira de oliveira”, adiantou a organização.

A Grande Exposição de Presépios será inaugurada às 15h30 e até ao dia 29 poderá ser visitada diariamente das 14h30 às 18 horas, com entradas livres.

A exposição insere-se na programação do Vila Natal, que decorre em Óbidos até ao dia 5 de janeiro de 2020.

Lusa