Foi a jogada perfeita para xeque mate.

Os Corvos do Lis participaram, este domingo, dia 11, na última ronda da série B da 2ª Divisão Nacional de xadrez e conseguiram o prémio máximo, a subida à 1ª Divisão Nacional, ao sagrarem-se campeões do escalão.

Na próxima temporada, a equipa leiriense vai competir entre as nove melhores equipas a nível nacional.

A prova decorreu nas instalações do Sport Operário Marinhense, na Marinha Grande, e na última e decisiva ronda, contra a equipa lisboeta do Alekhine, os jogadores dos Corvos do Lis superaram-se.

Venceram com duas vitórias nos tabuleiros 2 e 4 e dois empates nos restantes tabuleiros, garantindo uma vitória por 3-1, “muito sofrida mas gloriosa, perante uma equipa muito mais cotada e experiente”, refere o clube.

“Este feito veio certamente reforçar as evidências que já tinha para tal, colocando Leiria no patamar mais alto do xadrez nacional, garantindo a participação da equipa leiriense e 100% portuguesa numa competição onde a maioria dos jogadores são estrangeiros”, realça o clube em comunicado.

E com outra particularidade. A equipa que disputou as sete rondas é composta por um jogador sub16, Miguel Simões, e outro sub 14, Rodrigo Basílio, que se juntam ao capitão Daniel, André Pinto e Alberto Negrão.

A direção do clube mostra-se orgulhosa pelo resultado alcançado, destacando os “jogadores que merecem todos os parabéns do mundo pela postura, firmeza de atitude, confiança e superação perante a maioria dos adversários teoricamente muito mais fortes”.