Assinar Edições Digitais
Leiria

Associação de apoio a famílias de pessoas com deficiência abre núcleo em Leiria

Pais em Rede lançou campanha de angariação de fundos para criar uma linha de apoio psicológico às famílias

A Associação Pais em Rede (PER), que presta apoio a famílias de pessoas com deficiência, pretende instalar um núcleo em Leiria, em 2021, para “dar resposta às necessidades” em cooperação com as entidades existentes na região.

“Acabei de inscrever no nosso programa de ação para 2021 a redinamização do núcleo de Leiria”, revelou esta quinta-feira, dia 26, Júlia Serpa Pimentel, presidente da associação, que apoiou mais de mil famílias em Portugal desde a sua fundação, em 2008.

A presidente da PER, que falava ao REGIÃO DE LEIRIA na sequência do lançamento da campanha de crowdfunding “Não Estás Sozinha (o)!”, destinada à criação de uma linha telefónica gratuita para oferecer apoio psicológico às famílias, adiantou que a instalação do núcleo de Leiria “já estava nos planos de 2020, mas a pandemia adiou a sua concretização”.

“A nossa filosofia é sempre fazer um levantamento das necessidades, através das estruturas existentes, como as comissões locais de desenvolvimento social ou agrupamentos de escola. A ideia não é criar um novo serviço; é em conjunto com equipamentos, serviços e estruturas existentes responder a necessidades ainda sem resposta”, explica Júlia Serpa Pimentel.

O núcleo da PER não precisa de imediato de uma sede para funcionar. “Para começar atividades só precisamos de pessoas, de profissionais e de pais empenhados na nossa filosofia”, adianta.

O núcleo da PER Centro Oeste, que abrangia os municípios de Caldas de Rainha, Rio Maior, Óbidos, Peniche, Marinha Grande, Ourém, Fátima, Alcobaça, Nazaré, Pombal, Leiria, Batalha e Porto de Mós e Leiria, foi desativado “há relativamente pouco tempo”.

“A pessoa que esteve à frente deste núcleo tem muita vontade de voltar a fazer as oficinas de pais em Leiria [uma das atividades da PER], referiu Júlia Serpa Pimentel, que defende a existência de “núcleos mais pequenos”, pelo que a estrutura de Leiria “deverá ser mais restrita”.

Mas, a PER não “exclui ninguém por não ter ainda um núcleo em Leiria. Se alguém entrar em contacto connosco, daremos toda a ajuda possível em contacto com as pessoas e instituições que conhecemos nos sítios onde as pessoas nos estão a pedir apoio”, destaca.

O projeto “Não Estás Sozinha (o)!” pretende criar a primeira linha telefónica gratuita de apoio para pais de pessoas com deficiência. Para o financiar, a PER lançou uma campanha de crowdfunding na plataforma GoFundMe, integrada no movimento solidário Giving Tuesday Portugal.

“Com as restrições de contacto atuais, torna-se ainda mais urgente ter uma pessoa que, embora à distância, consiga ouvir, informar e apoiar quem nos procura”, refere a presidente da PER, destacando: “Quando surge um problema no anúncio da deficiência, quando surge um problema na escola, ou noutra situação em que a inclusão da pessoa com deficiência é posta em causa, poder contactar a Pais em Rede pode ser uma boia de salvação”.

A linha telefónica garantirá um atendimento especializado feito por psicólogos, com o objetivo de informar e apoiar os pais de pessoas “com qualquer tipo de deficiência”.

A PER considera que 50 euros garantem um dia inteiro de funcionamento da linha. O objetivo é chegar aos 12.750 euros. A campanha decorre até 3 de dezembro, Dia Internacional da Pessoa com Deficiência.