Assinar


Batalha

Batalha investe 300 mil euros em centro para jovens com necessidades especiais

A instituição abriu portas em outubro de 2015 por iniciativa de um grupo de amigos, professores e pais.

O Município da Batalha anunciou um investimento de 300 mil euros na requalificação de uma antiga escola primária para instalação da Casa do Mimo – Centro Lúdico e Ocupacional para Crianças e Jovens com Necessidades Especiais.

Antiga escola primária Cândido da Encarnação Foto: CM Batalha

Segundo uma nota da autarquia, já foi aberto um concurso público para a requalificação da antiga escola primária Cândido da Encarnação, para que a Casa do Mimo possa ter condições para dar resposta aos jovens e crianças com necessidades especiais.

A Casa do Mimo, que está a funcionar provisoriamente na Rua dos Bombeiros, nasceu da iniciativa de um grupo de amigos, professores e pais, que sentiram necessidade de dar resposta aos tempos livres de crianças com necessidades especiais, a frequentar a escolaridade obrigatória e para as quais não existia resposta nos equipamentos existentes.

A instituição, que abriu portas em outubro de 2015, oferece duas valências: um centro ocupacional para jovens com mais de 18 anos que funciona a tempo inteiro e centro de tempos livres para crianças que frequentam a escolaridade obrigatória.

Com os utentes acima dos 18 anos, as atividades desenvolvidas são de caráter ocupacional e têm por objetivo a sua autonomia e inclusão social, desenvolvendo competências para as atividades da vida diária e de participação na comunidade, informa a nota de imprensa.

Para as crianças em idade escolar, as atividades são mais lúdicas, livres e promotoras do seu bem-estar físico e emocional.

O presidente da Câmara Municipal, Paulo Batista Santos, citado na nota, “recorda que este projeto corresponde a dois objetivos muito relevantes”.

“Por um lado, requalifica uma escola memorial da Batalha e, não menos importante, vai capacitar e dotar de instalações adequadas uma resposta social da maior relevância para o município e região de Leiria, ou seja, um centro lúdico e ocupacional para crianças e jovens especiais, um projeto de excelência da associação Casa do Mimo”, acrescentou o autarca da Batalha, no distrito de Leiria.

A Casa do Mimo tem um centro ocupacional para jovens com mais de 18 anos que funciona a tempo inteiro e um centro de tempos livres para crianças Foto: CM Batalha

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.