Assinar
Batalha

CDS-PP candidata Horácio Moita Francisco à Câmara da Batalha

Centristas repetem candidatura que lhes garantiu a eleição de um vereador em 2017.

Horácio Moita Francisco é o candidato do CDS-PP à Câmara da Batalha nas eleições autárquicas previstas para o próximo outono. “O CDS sendo um dos partidos fundadores da democracia ao nível nacional, recandidata à Câmara da Batalha, o seu vereador Horácio Francisco”, anunciou hoje, em comunicado, a candidatura.

Natural da Amieirinha, Marinha Grande, com 68 anos, aposentado, Horácio Moita Francisco desempenhou funções como consultor, auditor e gestor e liquidatário judicial e, em 2017, foi igualmente o candidato dos centristas à Câmara da Batalha. Na altura, conquistou 12% dos votos, assegurando um lugar na vereação, numa eleição ganha pelo PSD que detém a presidência do município.

“A convicção e determinação da nossa candidatura, é que o poder local, terá de ser cada vez mais próximo de toda a comunidade/território, abrindo a Câmara a todos os batalhenses”, refere a candidatura em comunicado.

“Definir um novo enquadramento de modelo social, à escala em todo o concelho” é um dos principais desafios que a candidatura identifica para os próximos anos, sublinhando a necessidade de o Estado, autarquia, empresas e munícipes, “em conjunto”, proporcionarem “melhores condições de vida à comunidade, sem abdicarmos dos direitos fundamentais”.

Sem adiantar, para já, mais nomes integrantes da candidatura, a mesma nota assegura que “os candidatos que integram as listas do CDS, são na sua grande maioria, pessoas sem filiação partidária”.

Assumindo o slogan “Batalha no coração”, a candidatura avança nas diversas freguesias do concelho com variações desta fórmula: com “Reguengo do Fetal no coração”, “Golpilheira no coração” e “São Mamede no coração”.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.