Assinar


Batalha

Covid-19: Batalha alarga apoios ao desporto e cultura

Com a retoma das atividades desportivas e culturais, será gratuito o uso dos equipamentos desportivos municipais e as visitas ao museu local ou atividades culturais municipais até junho.

Imagem do mosteiro da batalha visto da estrada nacional 1

A Câmara da Batalha anunciou hoje que vai alargar os apoios ao desporto e cultura, no âmbito das medidas de apoio decorrentes da pandemia de covid-19, mantendo isenção do pagamento das atividades ocupacionais e de tempos livres.

Numa nota de imprensa, o município informa que, por despacho do presidente da câmara, as famílias do concelho “irão continuar a beneficiar até ao final de junho de 2021 da isenção total do pagamento de mensalidades relativos aos serviços de atividades ocupacionais e centro de atividades de tempos livres dos estabelecimentos de ensino públicos”.

De acordo com a mesma nota, mantêm-se “as medidas de isenção de taxas e rendas de todos os espaços concessionados pelo município, incluindo lojas, quiosques e estabelecimentos de alojamento (hostel), todos os operadores existentes nas diversas áreas no mercado municipal e espaços físicos (gabinetes individuais e ‘coworking’) da Casa do Conhecimento e da Juventude”.

Já “no apoio ao comércio e atividades económicas, até setembro também serão dispensados de pagamento os valores das taxas de ocupação de espaço público pelo comércio, restaurantes, cafés e pastelarias, inclusive na ampliação do espaçamento das esplanadas, como medida de apoio às atividades comerciais”.

Quanto ao estacionamento, será gratuito até final do mês de junho.

“Para estimular a retoma das atividades desportivas e culturais, gradualmente a iniciarem conforme o plano de desconfinamento fixado pelo Governo, a câmara irá assegurar a gratuitidade até junho no uso dos equipamentos desportivos municipais, inclusive dos novos campos de padel, piscinas, pavilhões municipais e campos de futebol sintético”, adianta a autarquia, referindo que igual decisão “de gratuitidade é aplicada às visitas ao museu local e no acesso às produções culturais promovidas ou apoiadas pelo município”.

O presidente da Câmara da Batalha, Paulo Batista Santos, determinou ainda a reabertura da generalidade dos equipamentos e infraestruturas municipais, “num processo que se pretende gradual, com segurança e potenciando os apoios às famílias e empresas locais”, afirmou o autarca.

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é assinante, entre com a sua conta. Entrar