Assinar
Leiria

Requalificação da encosta do Castelo Leiria vai ser objeto de candidatura a fundos comunitários

Município aprovou esta terça-feira o projeto para reabilitar a zona verde, estimando em cerca de 900 mil euros o custo da intervenção

A requalificação paisagística da encosta do Castelo de Leiria vai avançar. O projeto e o concurso foram aprovados esta terça-feira, em reunião de Câmara, e contemplam a reabilitação do espaço verde entre a zona do antigo Horto Municipal e a Fonte do Pocinho, ao longo da avenida 25 de abril, bem como a recuperação dos edifícios municipais existentes junto ao horto.

Está ainda prevista a criação de pequenos percursos dentro da área de intervenção para ligação de diversos pontos de interesse, refere a Câmara em comunicado, o projeto prevê adequar a área natural a passeio, estadia e atividade física e desenvolver uma consciencialização ambiental, através da instalação de pontos de informação por sinalética ou monitores.

É ainda intenção da autarquia “consolidar o caráter do local e de todo o conjunto a intervencionar, valorizar a azinhaga e a Fonte do Pocinho, bem como minimizar as alterações do relevo e da vegetação, com soluções que permitam aos espaços uma evolução sustentada e ainda estabilizar as superfícies livres e corrigir os sistemas hidrogeológicos”.

A intervenção, que será objeto de uma candidatura a fundos comunitários, está orçada em cerca de 900 mil euros e tem um prazo de execução estimado de 480 dias (16 meses).

Acessos à zona da encosta tem vindo a degradar-se nos últimos anos Fotos: Joaquim Dâmaso

Já em meados de abril, o REGIÃO DE LEIRIA noticiou a degradação dos acessos e passadiços da encosta, cenário que contrasta com os investimentos avultados em curso no Castelo, envolvente e acessos mecânicos.

Em resposta ao nosso jornal, o Município afirmou a intenção de “desenvolver um procedimento de reabilitação e conservação dos passadiços existentes”, referindo que, “oportunamente”, o antigo projeto de extensão do parque verde da encosta do Castelo será “reavaliado, atualizado e integrado/adaptado aos projetos desenvolvidos no território Castelo e sua zona de proteção envolvente”.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.