Assinar


Autárquicas 2021

Isabel Ventura é a candidata do Chega à Câmara de Alcobaça

A economia e as questões sociais encabeçam as preocupações da candidata, de 57 anos.

isabel ventura

 A engenheira química Isabel Ventura encabeça, nas próximas eleições autárquicas, a candidatura do Chega à Câmara de Alcobaça, que disputa com o objetivo de tornar a gestão municipal mais transparente.

O “amor à terra” e a vontade de “defender os munícipes” de Alcobaça foram, segundo Isabel Ventura, os fatores que levaram a engenheira química a aceitar o desafio de “concorrer numas eleições em as pessoas são tão importantes quanto as ideologias”, disse a candidata à agência Lusa.

A cabeça de lista pelo Chega pretende avançar com um projeto autárquico “em que os alcobacences se revejam” e que terá como principais vetores “tornar a gestão camarária mais transparente, com os dinheiros públicos a poderem ser rastreados de forma a identificar se são aplicados nos propósitos a que são destinados”, afirmou.

No atual contexto de pandemia de Covid-19, “a economia e as questões sociais” encabeçam as preocupações da candidata que, se for eleita, pretende que a sua ação seja pautada “por medidas respeitadoras do ambiente, que afeta transversalmente toda as outras questões” e que “se irão refletir nas gerações futuras”.

Isabel Ventura tem 57 anos e é engenheira química, licenciada pela Faculdade de Ciências da Universidade de Coimbra e tem ainda formação como Técnica Superior de Segurança. É empresária na área de gestão de qualidade, ambiente e segurança.

Militante do Chega, Isabel Ventura candidata-se pela primeira vez a um cargo político.

Além de Isabel Ventura, disputam a Câmara de Alcobaça Clementina Henriques (CDU), Hermínio Rodrigues (PSD), Carlos Guerra (PS), António Vieira (CDS) e Rui Alexandre (Movimento “Nós Cidadãos”).

O Governo marcou as eleições autárquicas para o dia 26 de setembro.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.