Assinar
Mercado

Seis unidades hoteleiras da região recebem galardão internacional

Prémio Green Key procura promover o turismo sustentável através de unidades que implementem boas práticas ambientais e sociais.

São as bandeiras azuis do turismo sustentável em Portugal e foram distinguidos internacionalmente, pela ABAE (Associação Bandeira Azul da Europa), com o programa “Green Key” (tradução para português, chave verde).

Hotel MH Peniche, Hotel Star Inn Peniche, Luz Charming Houses (Fátima), MH Atlântico (Peniche), Real Abadia Congress & Spa Hotel (Alcobaça) e Your Hotel & Spa Alcobaça foram as unidades hoteleiras da região premiadas com este galardão, entre os 143 espaços distinguidos a nível nacional na edição de 2021.

A maioria dos premiados (75) está integrado na categoria de hotel, mas também há 25 alojamentos locais, 24 turismos no espaço rural, 12 restaurantes e seis parques de campismo.

Dos 143 estabelecimentos galardoados, refere a ABAE, 119 renovaram candidatura, ou seja, 78% dos locais galardoados em 2020 continuaram a investir na área da sustentabilidade.

Your Hotel & Spa Alcobaça foi uma das duas unidades de Alcobaça e seis em toda a região a receber o prémio. Foto: UHSA

O programa “Green Key”, da responsabilidade da Foundation for Environmental Education (FEE), sedeada na Dimarca e implementado em Portugal pela ABAE, “promove o Turismo Sustentável em Portugal através do reconhecimento de estabelecimentos turísticos, alojamento local, parques de campismo e restaurantes que implementam boas práticas ambientais e sociais, que valorizam a gestão ambiental nos seus estabelecimentos e que promovem a Educação Ambiental para a Sustentabilidade”.

A cerimónia de entrega dos prémios aconteceu no passado dia 2, em Alcobaça, e procurou realçar a “resiliência dos empreendimentos que colocam a sustentabilidade entre as suas prioridades e evidenciam que, apesar do esforço que se avizinha para mitigar os impactos dos últimos meses, é possível promover, com o envolvimento dos colaboradores, clientes, fornecedores e comunidade local, um turismo sustentável que privilegie boas práticas de gestão ambiental e social”.

Entre os principais objetivos do prémio verde estão a consciencialização para a adoção de práticas e comportamentos sustentáveis entre os decisores e participantes (empresas, autoridades, clientes, fornecedores e comunidades locais) através da educação ambiental para a sustentabilidade; a redução do impacte ambiental das atividades de comércio, serviços e restauração; a promoção da redução e eficiência no consumo dos recursos naturais; facilitar estratégias de marketing verde e reconhecer as iniciativas de gestão ambiental; e contribuir para a implementação de Agendas 21 Locais através da melhoria contínua das organizações.

Formalizada a candidatura por parte das unidades hoteleiras, o processo é avaliado por uma comissão nacional, onde além da própria ABAE, também fazer parte a Agência Portuguesa do Ambiente (APA), Direção Geral de Saúde, Turismo de Portugal e CCDR-Centro, entre outros.

Foto: GK

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.