Assinar
Cultura

Cinco salas da região na Rede de Teatros e Cine-Teatros Portugueses

Leiria, Caldas da Rainha, Pombal e Ourém estão entre as 50 primeiras entidades aceites pelas DGArtes.

Teatro José Lúcio da Silva e Teatro Miguel Franco, em Leiria, Teatro Municipal de Ourém, Centro Cultural de Congressos de Caldas da Rainha e Teatro-Cine de Pombal integram a recém-criada Rede de Teatros e Cine-Teatros Portugueses, que arranca com 50 entidades artísticas aderentes.

Esta rede pública visa “criar condições para garantir uma oferta cultural de qualidade e diversificada em todo o território”, segundo a DGArtes, e conta com um apoio próprio à programação, cujo concurso tem abertura prevista para outubro.

A Rede de Teatros e Cine-teatros Portugueses é um instrumento estratégico para o fomento da coesão territorial no acesso à cultura e às artes em Portugal, assente na descentralização e na responsabilidade partilhada do Estado Central com as autarquias e as entidades independentes.

Esta rede é composta por equipamentos culturais que aderiram de forma voluntária e sob o compromisso de cooperarem entre si, permitindo incentivar a circulação de obras artísticas em território nacional, o aumento do número de coproduções entre entidades, bem como a valorização e qualificação de recursos humanos especializados.

Numa reação à entrada na rede, a vereadora da Cultura das Caldas da Rainha considera que “esta credenciação é fundamental”. “Só assim será possível aceder a apoios à programação cultural”, sublinha Maria da Conceição Pereira.

A lista completa das primeiras entidades certificadas pode ser consultada aqui. Segundo a DGArtes, em breve será revelada um segundo lote de salas que vão também entrar na nova rede.

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é assinante, entre com a sua conta. Entrar