Assinar
Caldas da Rainha

GNR detém dupla em caso de furto de combustíveis em Caldas da Rainha

Suspeitos terão lesado uma empresa de distribuição em cerca de 280 mil euros.

foto de guarda armado

Dois homens de 37 e 50 anos, foram detidos sexta-feira, pelos crimes de furto, falsificação de documentos e recetação, no concelho de Caldas da Rainha.

A dupla é suspeita de ter lesado uma empresa de distribuição de combustíveis em cerca de 280 mil euros.

A detenção foi hoje anunciada pela GNR que, em comunicado, adianta que resultou de uma investigação que decorria há cerca de cinco meses.

As autoridades apuraram que “os suspeitos furtaram combustível de uma empresa de distribuição de combustíveis com sede em Caldas da Rainha e que, através de um esquema de falsificação de documentos, encobriam os furtos”.

Segundo a GNR, os dois homens são suspeitos de, desde 2017 até à presente data, terem causado um prejuízo de cerca de 280 mil euros à empresa lesada.

“Foi possível apurar-se ainda que o combustível era depois canalizado a preços inferiores do mercado para abastecimento de revendedores (recetadores)”, acrescenta a GNR.

No âmbito das diligências policiais decorreram cinco buscas, “duas domiciliárias, duas em veículo e uma em posto de abastecimento de combustíveis, nas Caldas da Rainha e no Cadaval”.  Foram ainda apreendidos 3.000 litros de combustível no valor de 4.500 euros, 11.650 euros em numerário e dois telemóveis.

Os dois homens foram constituídos arguidos e o caso foi remetido para o Tribunal Judicial de Caldas da Rainha.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.