Assinar
Cantinho dos Bichos

O que deve saber antes de levar os cães à praia

Verão é sinónimo de férias e praia. E também os patudos são fãs das brincadeiras no mar e no areal. No entanto, antes de levar o fiel companheiro à praia, é importante conhecer as regras aplicadas.

À semelhança dos humanos, também os cães têm direito a uma boa dose de diversão com areia e mar à mistura. Para que possa levar os canídeos à praia, em segurança, aqui ficam algumas regras que necessita de saber:

Segundo o Edital de Praia 2021, é proibida a circulação e permanência de animais “fora das zonas autorizadas, exceto cães de assistência”, devidamente certificados, que estejam a “acompanhar, conduzir e auxiliar pessoas com deficiência”. Ou seja, é proibida a presença de animais nas praias concessionadas (vigiadas).

Esta regra, explica a Polícia Marítima de Peniche, vigora durante toda a época balnear. Ficam excluídas da medida as praias não concessionadas, onde os donos podem levar os fiéis companheiros, mas têm de cumprir as regras que são idênticas às aplicadas na via pública (ver regras em baixo).

A violação da regra constitui contraordenação punível com coima que varia entre 55 e 550 euros, segundo o edital. Para prevenir uma infração, o melhor será prestar atenção à sinalética existente nas praias.

Existem, ainda, areais “pet friendly”: espaços designados para cães, estabelecidos por iniciativa das autarquias. Num total de sete praias com esta designação em Portugal, uma encontra-se no distrito de Leiria, em Peniche.

Regras

É obrigatório uso de coleira ou peitoral e trela.

No caso de cães perigosos ou potencialmente perigosos, devem possuir açaime.

O cão deve ter chip e estar devidamente legal. É recomendado ao detentor possuir o Documento de Identificação do Animal de Comapanhia (DIAC) ou Passaporte do Animal de Comapanhia (PAC).

É obrigatório apanhar os dejetos do animal, sendo recomendado levar sacos para o devido efeito.

Estas regras aplicam-se de forma geral, tanto às praias “pet friendly” como às não vigiadas e às concessionadas fora da época balnear.

Inaugurado em 2016, o Portinho da Areia Norte surge como a primeira praia para cães no país.

O Portinho da Areia Norte, em Peniche, é a única praia para cães no distrito de Leiria

Apesar de constituir uma excelente oportunidade para os canídeos irem a banhos, o espaço é, no entanto, pouco frequentado pelos habitantes devido à falta de condições.

Para Joana Barato, profissional de estética canina no Spot do Cão, em Peniche, a praia é “pouco agradável”, porque “tem muitas rochas”. Além disso, o espaço está equipado com um dispensador de sacos para os dejetos, mas que “raramente possui sacos”, frisa.

A falta de um bebedouro para cães é realçada por Joana Dias, responsável da Associação Patudos de Peniche, que costumava passear os cães naquele local. Atualmente, “já nem parece uma praia para cães”, sublinha, explicando que a placa com a classificação e regras foi retirada.

Contactado pelo REGIÃO DE LEIRIA, o presidente da Câmara Municipal de Peniche, Henrique Bertino, adianta que “a situação da praia será avaliada quando for requalificada a zona da Papôa”. Revelou ainda ter dúvidas sobre “manter a praia só para cães, porque é pequena e limita a utilização por outras pessoas que não tenham cães”.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.