Assinar


Sociedade

Posto de turismo de Leiria apto a prestar atendimento inclusivo

Instalações foram adaptadas e foram produzidos conteúdos informativos acessíveis.

foto do exterior do posto de turismo de leiria

O posto de informação turística de Leiria da Turismo Centro de Portugal está habilitado a proporcionar um atendimento inclusivo a pessoas com necessidades específicas, foi hoje anunciado.

O espaço disponibiliza instrumentos de informação turística acessível e inclusiva, “na semana [em] que se comemora o Dia Mundial do Turismo, que este ano tem como mote ’turismo para um crescimento inclusivo’”.

Os serviços de atendimento possuem um “piso podotátil direcional, desde a entrada dos edifícios até ao atendimento”, uma solução que “alerta sobre obstáculos e direciona o caminho às pessoas com deficiência visual”.

O posto de turismo passa ainda a contar com uma estrutura, com um mapa tátil, em língua braile e com cores adequadas a pessoas de baixa visão.

Os visitantes com deficiência cognitiva e auditiva podem ter acesso aos conteúdos turísticos, através de um ‘tablet’ específico, com conteúdos “disponíveis em linguagem simplificada, com diversos idiomas, em linguagem pictográfica e em língua gestual portuguesa e gestos internacionais”, lê-se na nota de imprensa.

De modo a proporcionar um atendimento inclusivo, foram ainda impressos folhetos em português, espanhol, inglês e francês, com indicações para a visita à região Centro de Portugal e às cidades de Aveiro, Coimbra e Leiria.

Relativamente ao conteúdo dos folhetos, tal como no ‘tablet’, estão disponíveis em “linguagem simplificada, braille, linguagem pictográfica e língua gestual portuguesa e gestos internacionais. É possível aceder a estes conteúdos em formato digital, via QR Code [Código QR]”, explica ainda a nota daquela entidade regional de turismo.

“A inclusão de todos os visitantes está no topo das prioridades da Turismo Centro de Portugal. As limitações físicas ou cognitivas não podem ser um obstáculo intransponível para quem quer descobrir esta região e usufruir das suas experiências, a começar pelos postos de atendimento”, afirma, citado na nota de imprensa, o presidente da Turismo Centro de Portugal, Pedro Machado.

“Estamos a fazer a nossa parte para que o turismo seja verdadeiramente inclusivo”, sustenta.

“Este projeto de adaptação nas nossas instalações e de produção de conteúdos acessíveis é apenas o início do que se pretende implementar, num futuro próximo, em todos os serviços de atendimento turístico”, acrescenta o responsável.

O objetivo, ocluiu, é “dotá-los de soluções de promoção turística dirigidas a pessoas com necessidades específicas, temporárias ou permanentes, tendo por objetivo garantir um acolhimento inclusivo a todos os visitantes”.

Todos estes suportes comunicacionais estão acessíveis no ‘site’ da Turismo Centro de Portugal.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.