Assinar


Caldas da Rainha

Associação empresarial de Caldas da Rainha oferece 500 árvores às freguesias para reduzir pegada ecológica

Iniciativa pretende colmatar parte dos custos ambientais decorrentes da iluminação de Natal durante 55 dias

São 500 as árvores que as 12 juntas de freguesia do concelho de Caldas da Rainha vão receber para compensar os gastos energéticos e ambientais associados à iluminação de Natal.

A ACCCRO – Associação Empresarial das Caldas da Rainha e Oeste, promotora da iniciativa, estima em cerca de 18,3 Mega Wat o consumo energético resultante de 55 dias de luzes ligadas no âmbito do projeto “Caldas, Rainha do Natal 2021”, dinamizado com o município. Estimativa apurada “com base nos valores dos 18 contadores espalhados pela cidade para este projeto, com leituras individuais no final do mês de novembro” explica a associação em comunicado.

Para reduzir a pegada ecológica do projeto, a ACCCRO propõe-se doar 25 árvores por cada Mega Watt consumido, o que perfaz os 500 exemplares que irá oferecer na sexta-feira, dia 3 de dezembro, para serem plantadas em locais selecionados por cada junta de freguesia.

A distribuição das árvores irá decorrer a par de ações de sensibilização para as questões ambientais e ecológicas, sendo objetivo da ACCCRO transformar “este ato simbólico num marco histórico associado a este projeto”.

A associação fez ainda as contas à poupança conseguida em temos ambientais e económicos com a adoção de medidas mais sustentáveis, como foi o recurso a cerca de 18.750 garrafas de plástico utilizadas em decorações natalícias e pinheiros colocados como adorno de rua ou a seleção de uma empresa que “prima pelos princípios de poupança e sustentabilidade do território nos projetos que executa, princípios esses em que também nos revemos”.

Afirmando uma “preocupação constante e consciente na redução de energia”, melhoria da eficiência energética” e “tentativa de colmatar os danos no ambiente”, ACCCRO calcula que estas opções resultem por sua vez numa poupança de 14 Mega Watt, correspondente a 80%, “face as tradicionais lâmpadas incandescentes”.

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é assinante, entre com a sua conta. Entrar