Assinar


Nazaré

Festejos de rua da Passagem de ano na Nazaré cancelados devido à pandemia

Também a organização do Caldas Street Food, evento previsto para o primeiro fim-de-semana de dezembro, optou pelo cancelamento do festival.

foto de fogo-de-artifício na Nazaré

A Câmara da Nazaré anunciou o cancelamento dos festejos de rua da Passagem de ano 2021-2022, tendo por base as novas medidas de combate à pandemia da Covid-19 anunciadas pelo Governo.

“Após o anúncio, na passada quinta-feira, das novas medidas de controlo e mitigação da atual pandemia COVID-19, efetuada pelo Sr. Primeiro-Ministro Dr. António Costa, em consonância com a Direção Geral de Saúde, e após reflexão e decisão do Sr. Presidente da Câmara Municipal da Nazaré, Dr. Walter Chicharro, o evento Passagem de Ano 2021/2022 não se irá realizar”, refere a autarquia, num comunicado divulgado ontem ao final do dia.

A Câmara refere que a decisão surge após uma ponderada reflexão sobre as medidas anunciadas pelo Governo, que entrarão em vigor a partir do próximo dia 1 de dezembro.

“A decisão foi alvo de grande ponderação e não foi tomada de ânimo leve, no entanto, foi, no entender da Autarquia, a mais sensata uma vez que o Município não conseguirá controlar os grandes aglomerados, bem como, a obrigação de apresentação dos testes negativos impostos pelas novas medidas”.

Entre as novas medidas de combate à pandemia de Covid-19, apresentadas pelo Governo, está a obrigatoriedade de teste negativo (mesmo para vacinados) no acesso a grandes eventos sem lugares marcados ou em recintos improvisados e recintos desportivos.

O Município da Nazaré considera “fundamental garantir a segurança de todos e o cumprimento das medidas definidas” para “mitigar o atual flagelo mundial vivido”.

Também a 6ª edição do Caldas Street Food, que estava prevista realizar-se no primeiro fim-de-semana de dezembro, foi cancelada por recomendação da Delegação de Saúde das Caldas da Rainha.

De acordo com a Delegada de Saúde, Cristina Pecante, “tendo em conta a actual situação pandémica com evolução rapidamente crescente no nosso concelho [Caldas da Rainha], somos de parecer que não deve ser autorizada a realização de eventos que facilitem a aglomeração de pessoas”.

A organização refere em comunicado que “não seria capaz de, perante este cenário, prosseguir com o evento”, de forma a garantir que todos estejam seguros, mas promete realizar o Caldas Street Food “logo que existam condições para o fazer”.

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é assinante, entre com a sua conta. Entrar