Assinar
Nazaré

Nazaré aposta no recurso à água da rede e na redução do consumo de plásticos

Estabelecimentos de restauração aderentes vão ser convidados a distribuir água da rede, em alternativa à plastificada.

CMN

O desafio foi lançado à comunidade escolar mas pretende chegar a toda a sociedade. A Câmara da Nazaré está a avançar com uma campanha de sensibilização e incentivo à redução do uso de plásticos não reutilizáveis, o recurso à água da rede e à compostagem.

O projeto Águas Belas foi apresentado, na passada sexta-feira, à comunidade escolar, “potencial influenciadora de comportamentos”, que foi simultaneamente desafiada para realizar uma ação de recolha de lixo no areal da Nazaré, numa parceria com a Mar à Deriva – Adrift Sea, organização de conservação ambiental que, até esta altura do ano, já recolheu 15 toneladas de lixo marinho.

A iniciativa culminará com a construção de uma Obra de Arte “Grande Onda”, por artistas plásticos convidados, a partir de lixo recolhido ao longo de várias ações de limpeza das praias.

O projeto teve início no anterior mandato e é destinado a servir o “incentivo às boas práticas ambientais, como a redução da produção de resíduos de garrafas de plástico, que pretende a adoção de comportamentos sustentáveis” para melhorarem o território, explicou Salvador Formiga, chefe de Gabinete de Apoio à Presidência.

Para isso, o projeto também vai abranger os estabelecimentos de restauração e similares, com o selo de adesão à iniciativa de distribuição de água da rede, em alternativa à plastificada, e com a construção de uma representação artística do lixo recolhido das praias, explica a autarquia em comunicado.

O problema ambiental também mereceu a atenção do capitão do Porto da Nazaré, Zeferino Henriques, que salientou que “diariamente, na nossa atividade, deparamo-nos com uma imensidão de plásticos que irão parar ao mar”, entrando, depois, na cadeia alimentar.

Para além da Conferência, o envolvimento da comunidade escolar passou pela escolha do nome da mascote do projeto Águas Belas. O projeto vencedor foi o do 3º C do Centro Escolar da Nazaré, que dará o nome à mascote deste projeto: “O Pinguinho”.

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é assinante, entre com a sua conta. Entrar