Assinar
Saúde

Federação de Dadores apela à dádiva de sangue “A positivo” e “O positivo”

Presidente da FEPODABES alerta para o facto de as dádivas estarem “abaixo do desejável”.

foto de pessoa a tirar sangue para doar

A Federação Portuguesa de Dadores Benévolos de Sangue (FEPODABES) apela à dádiva de sangue, durante o verão, “uma altura do ano em que a disponibilidade é mais reduzida”.  Em nota de imprensa enviada no início da semana, a FEPODABES alertava para o facto de as reservas de sangue para os tipos A+ e O+ só chegarem para quatro dias e as dádivas estarem “abaixo do desejável”.

A federação apela a todas as pessoas saudáveis, com mais de 18 anos e mais de 50 quilos que façam uma dádiva de sangue, lembrando que “todos os dias são necessárias 900 a mil unidades de sangue”.

Citado na nota de imprensa, o presidente da FEPODABES, Alberto Mota, pede que as pessoas doem sangue antes de partirem de férias, sublinhando que as necessidades de sangue nos hospitais se mantêm no verão.

A federação apela aos portugueses para que ajudem a manter as reservas de sangue em níveis estáveis, podendo os interessados consultar onde podem dar sangue através do link www.fepodabes.ptdador.pt.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.

Deixar um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

Artigos relacionados

Subscreva!

Newsletters RL

Saber mais

Ao subscrever está a indicar que leu e compreendeu a nossa Política de Privacidade e Termos de uso.

Artigos de opinião relacionados