Assinar
Sociedade

Risco máximo de incêndio em quatro concelhos da região de Leiria

A maioria do território apresenta risco máximo ou muito elevado de incêndio.

Joaquim Dâmaso

O risco de incêndio voltou a agravar este sábado, dia 27, na região de Leiria e são agora quatro os concelhos com o nível máximo de risco, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Alvaiázere, Castanheira de Pera, Figueiró dos Vinhos e Pedrógão Grande são os territórios do distrito de Leiria a que o IPMA atribui o nível máximo.

Com risco muito elevado de incêndio estão os concelhos de Ansião, Batalha, Marinha Grande, Pombal, Porto de Mós e Ourém. Leiria apresenta o nível elevado.

Por fim, aos concelhos de Alcobaça, Bombarral, Caldas da Rainha, Nazaré e Óbidos é apontado o risco moderado e a Peniche, o reduzido.

O perigo de incêndio, determinado pelo IPMA, tem cinco níveis, que vão de reduzido a máximo e os cálculos são obtidos a partir da temperatura do ar, humidade relativa, velocidade do vento e quantidade de precipitação nas últimas 24 horas.

O perigo de incêndio rural vai manter-se elevado em algumas regiões do continente pelo menos até terça-feira, indicou o Instituto.

Risco de incêndio por concelho (Fonte: IPMA)

Recorde-se que com os níveis elevado, muito elevado e máximo de risco de incêndio – que hoje abrangem a grande maioria da região -, é proibido fazer queimadas, fogueiras para recreio, fumigação ou desinfestação com fogo, lançamento de foguetes e de balões com mecha acesa; fazer queimas de amontoados; utilizar motorroçadores, cortamatos e destroçadores, bem como equipamento com escape sem dispositivo antichamas, motosserras e rebarbadoras; entre as 11 horas e o pôr do sol (20h30), utilizar máquinas agrícolas e florestais com alfaias ou componentes metálicas em contacto direto com o solo; e realizar operações de exploração florestal de corte e rechega.

Deixar um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos relacionados

Subscreva!

Newsletters RL

Saber mais

Ao subscrever está a indicar que leu e compreendeu a nossa Política de Privacidade e Termos de uso.