Assinar
Porto de Mós

GNR deteta descarga ilegal de efluentes domésticos

A contraordenação é punível com uma coima que pode atingir os 240 mil euros.

GNR de Leiria

Na sexta-feira, 23 de setembro, a GNR de Leiria detetou uma descarga ilegal de efluentes domésticos, junto das margens do rio Lena, no concelho de Porto de Mós.

Os militares da GNR deslocaram-se ao local “no decurso de uma denúncia sobre a alteração das características de coloração da água”, lê-se numa nota de imprensa.

“No decorrer da ação policial foi elaborado um auto de contraordenação por descarga de águas residuais para a linha se água, sem autorização da entidade competente para o efeito”, avança a força de segurança, acrescentando que a informação foi remetida para a Agência Portuguesa do Ambiente.

De acordo com a GNR, este tipo de contraordenação é punível com uma coima que pode atingir os 240 mil euros.

A ação policial foi levada a cabo pelo Comando Territorial da GNR de Leiria, através do Núcleo de Proteção Ambiental.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.

Deixar um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos relacionados

Subscreva!

Newsletters RL

Saber mais

Ao subscrever está a indicar que leu e compreendeu a nossa Política de Privacidade e Termos de uso.