Assinar
Teatro

TASE apresenta “Criança do Lapedo” no Parque de Merendas do Lapedo

Domingo, 16 de julho, o Teatro de Animação de Santa Eufémia inicia a celebração dos 25 anos do achado arqueológico do Lapedo com um espetáculo de teatro de rua que junta ficção e comédia.

Há 25 anos era descoberto o “Menino do Lapedo” no Abrigo do Lagar Velho, em Santa Eufémia, e o grupo de teatro da freguesia vai lembrar o acontecimento com uma programação especial, que inclui espetáculos, caminhadas e até conferências encenadas, previstas para outubro e novembro. O primeiro momento acontece já no domingo, 16 de julho (17 horas, entrada livre), com a apresentação da peça “Criança do Lapedo” em pleno Parque de Merendas do Lapedo.

Segundo o Teatro de Animação de Santa Eufémia (TASE), trata-se de um espetáculo de teatro de rua que, “através da ficção e da comédia, sem a preocupação do rigor científico”, fala da miscigenação e do achado arqueológico que é não só “o tesouro da freguesia”, mas também Tesouro Nacional.

O espetáculo será repetido a 3 de setembro e 15 de outubro e, segundo o presidente do TASE, Carlos Faria, “o objetivo não é fazer nenhuma recriação histórica” nem há “nenhuma pretensão científica”.

A partir da adaptação de um texto original de Constantino Mendes Alves, fala-se da questão da miscigenação entre neandertais e homo sapiens – há até uma cena de wrestling entre ambos -, da questão fúnebre do achado, do impacto e aproveitamento político mas, sobretudo, “da visão do povo sobre o achado”, nota Carlos Faria.

Com encenação de Gabriel Costa e direção de atores de Inês Valinho, o elenco integra nove atores: André Ruivo, Artur Costa, Carlos Faria, Diogo Ruivo, Eduardo Ruivo, Gil Mónico, Jessica Carpinteiro, Cristina Nunes e M. Lourdes Matias.

Deixar um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos relacionados

Subscreva!

Newsletters RL

Saber mais

Ao subscrever está a indicar que leu e compreendeu a nossa Política de Privacidade e Termos de uso.