Quatro imagens de santos, em cobre, foram furtadas do interior do cemitério de Parceiros, concelho de Leiria, de segunda para terça-feira.

A PSP de Leiria refere em comunicado que as imagens estavam fixas em quatro campas tendo os assaltantes escalado o muro do cemitério para perpetrar o crime.

Segundo José Carlos Matias, presidente da Junta de Freguesia dos Parceiros, este não foi o primeiro assalto registado no cemitério, tendo o ano passado havido queixas por furto de jarras também em metal.

O alerta foi dado por particulares, tendo a Junta confirmado no local a falta de várias imagens e reportado o caso à PSP. Contactou ainda as famílias lesadas. Ao local, deslocaram-se elementos da Unidade de Polícia Técnica da PSP para a recolha de eventuais vestígios.

“Naturalmente que me choca pelo valor em causa, mas choca-me mais o local onde ocorreu, a falta de princípios e a falta de respeito por tudo”, adianta o autarca ao REGIÃO DE LEIRIA.

José Carlos Matias revela, por outro lado, que este tipo de assalto tem sido cíclico e que os objectos em metal têm atraído cada vez mais os assaltantes. Refere, entre outros exemplos, o furto de torneiras nos fontanários.