Assinar Edições Digitais
Sociedade

IPL em quarto lugar no número de colocações no ensino politécnico

Das 2.206 vagas disponíveis nas várias escolas do Instituto Politécnico de Leiria (IPL), 1.730 ficaram preenchidas na 1ª fase do concurso nacional de acesso ao ensino superior, garantindo ao instituto o quarto lugar no que toca ao maior número de colocações no ranking de estabelecimentos de ensino politécnico.

Das 2.206 vagas disponíveis nas várias escolas do Instituto Politécnico de Leiria (IPL), 1.730 ficaram preenchidas na 1ª fase do concurso nacional de acesso ao ensino superior, garantindo ao instituto o quarto lugar no que toca ao maior número de colocações no ranking de estabelecimentos de ensino politécnico.

Vários cursos continuam contudo com vagas por preencher apesar do número de candidatos ser superior.

Nuno Mangas, presidente do IPL, lembra que o instituto exige uma classificação igual ou superior a 95 pontos na prova de ingresso de Matemática, obrigatória para os cursos de engenharia.

Quanto aos cursos em horário pós-laboral, a maioria dos candidatos trabalha e concorre por intermédio dos concursos locais de acesso e não do concurso nacional.

Factor que contribui para o reduzido índice de procura registado neste último, explica o mesmo responsável.

Nuno Mangas sublinha, no entanto, que o número de candidatos maiores de 23 anos e detentores de um curso de especialização tecnológica “tem vindo a aumentar, pelo que as vagas destes cursos estão, na sua generalidade, já todas preenchidas”.