Assinar Edições Digitais
Sociedade

Prisão preventiva para suspeito de homicídio na Marinha Grande

O Tribunal Judicial de Leiria decretou hoje a prisão preventiva para o homem suspeito de ter esfaqueado duas pessoas na sexta-feira, uma das quais acabou por morrer, na Marinha Grande, informou hoje fonte policial.

O Tribunal Judicial de Leiria decretou hoje a prisão preventiva para o homem suspeito de ter esfaqueado duas pessoas na sexta-feira, uma das quais acabou por morrer, na Marinha Grande, informou hoje fonte policial.

O arguido, de nacionalidade estrangeira, foi presente a um juiz de instrução criminal no sábado, mas a falta de intérprete levou ao adiamento da audição do suspeito para hoje.

O homem, de 55 anos, esteve durante toda a manhã a ser ouvido no Tribunal de Leiria e saiu sob a medida de coação mais gravosa, a prisão preventiva, indicou fonte policial.

Segundo a mesma fonte, dois homens de 34 anos foram “vítimas de agressão” com arma branca, cerca das 04:30 horas de sexta-feira, numa rua junto aos CTT no centro da Marinha Grande.

Uma das vítimas, natural de Chaves, morreu já no hospital de Leiria. O outro ferido, natural de Amarante, sofreu um traumatismo e ainda se encontra internado.