Assinar
Sociedade

Judiciária detém médico de Leiria por pornografia de menores

O departamento de investigação criminal da Polícia Judiciária de Leiria deteve um homem, de 68 anos, pela presumível autoria da prática de crimes de pornografia de menores e posse de armas proibidas.

O departamento de investigação criminal da Polícia Judiciária de Leiria deteve um homem, de 68 anos, pela presumível autoria da prática de crimes de pornografia de menores e de detenção de armas proibidas. 

Em comunicado, a PJ divulgou que “a investigação desenvolveu-se na sequência de ações anteriores realizadas em sede de cooperação policial internacional, sob égide da Interpol, depois de ter sido assinalado o acesso do detido a sítios na internet onde estavam alojadas fotografias e filmes de conteúdo pornográfico infantil”.

O indivíduo  médico de profissão, aposentado e sem antecedentes criminais, foi alvo de uma busca domiciliária na tarde de ontem, em Leiria, onde a Polícia Judiciária apreendeu ao detido equipamento informático utilizado na prática delituosa. Foram ainda detetadas e apreendidas três armas de fogo proibidas.

O suspeito estava a ser investigado há dois anos e esta foi a única detenção, no âmbito desta operação, efetuada pela PJ.

Está durante a tarde de hoje, sexta-feira, a ser presente às autoridades judiciárias para interrogatório e aplicação das medidas de coação.

Apoie o REGIÃO DE LEIRIA

Se chegou até aqui é porque este é um texto que lhe interessa. Por detrás dele há uma equipa e um conjunto de recursos que custam dinheiro e que, para continuarem a existir, precisam da sua ajuda. Gostávamos de lhe explicar como.