Select Page

Secretário de Estado marcou hoje o arranque da reflorestação do Pinhal de Leiria

É o “início da recuperação da área ardida”. Isso mesmo declarou Miguel Freitas, secretário de Estado das Florestas e do Desenvolvimento Rural, na tarde desta segunda-feira, no Pinhal de Leiria.

O governante esteve no Pinhal para o arranque simbólico dos trabalhos de recuperação do Pinhal. Para já, avançam as máquinas que, no terreno, o preparam para futuras ações de reflorestação.

O governante marcou o início simbólico da tarefa de recuperação da área ardida no Pinhal de Leiria, nos grandes incêndios em outubro do ano passado.

Miguel Freitas, esteve esta tarde, em pleno Pinhal de Leiria, no concelho da Marinha Grande, a assinalar o arranque dos trabalhos de preparação do terreno para a plantação de pinheiro bravo e pinheiro manso, numa área de 460 hectares.

Segundo o secretário de Estado, só no próximo ano, as áreas ardidas na zona das matas públicas do Litoral, que englobam o Pinhal de Leiria, vão receber um investimento na ordem dos 9 milhões de euros que serão canalizados para a recuperação de áreas ardidas e na proteção florestal de zonas que escaparam ao fogo.

Até maio do próximo ano o INCF conta ter 1170 hectares preparados para a reflorestação.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Primeira Página

Publicidade

Pergunta da Semana

A carregar

A Câmara Municipal da Marinha Grande deve comprar as piscinas de São Pedro de Moel?

Obrigado pelo seu voto!
Já votou nesta pergunta!
Selecione uma das opções!

Newsletter Região de Leiria

app repórter no mundo

Share This