Assinar Edições Digitais

Dois homens detidos por pesca ilegal de meixão em Vieira de Leiria

Numa ação de fiscalização à captura ilegal de meixão, os militares de Leiria detetaram no sábado dois homens, com 34 e 36 anos, a pescar ilegalmente.

Os homens utilizavam material de pesca denominado por “capinete ou arca” Foto: GNR

A Guarda Nacional Republicana deteve, no sábado, dois homens em flagrante delito a pescar meixão no Rio Lis, em Vieira de Leiria, que foi devolvido ao seu habitat natural por ainda estar vivo.

O meixão é a fase largar da enguia europeia (Anguilla anguilla), uma espécie em perigo devido à pesca ilegal, que impede o ciclo normal de reprodução colocando em causa a sustentabilidade da espécie.

No âmbito de uma ação de fiscalização à captura ilegal de meixão, os militares de Leiria detetaram no sábado dois homens, com 34 e 36 anos, a pescar ilegalmente, anunciou o gabinete de comunicação da GNR.

A pesca estava a ser feita “através do manuseamento de artes de pesca, denominadas por “capinete ou arca”, acrescentou a força policial.

“O meixão apreendido, por se encontrar vivo, foi devolvido ao seu habitat natural”, acrescentou.

De acordo com estimativas da GNR, as 848 gramas de meixão apreendidas poderiam “atingir um valor de cerca de 1.100 euros” nos mercados europeu e asiáticos.

  Lusa