O Núcleo de Proteção do Ambiente de Leiria da GNR identificou na passada sexta-feira uma exploração agropecuária por descarga ilegal de efluentes pecuários, na freguesia de Caranguejeira.

A descarga, efetuada diretamente para a ribeira do Sirol, afluente do rio Lis, foi detetada no decorrer de uma ação de monitorização da Bacia Hidrográfica do Rio Lis, tendo os militares apurado que os  efluentes foram lançados “sem qualquer tratamento sanitário”.

Em comunicado, a GNR acrescenta que a infração é “suscetível de configurar um crime de poluição”.

Contactada pela Lusa, fonte da GNR acrescentou que o ponto de origem da descarga foi identificado após realizadas diligências necessárias, tendo os factos sido remetidos para o Tribunal Judicial de Leiria.

Efluentes não tinham sido alvo de qualquer tratamento sanitário  Foto: GNR