Assinar Edições Digitais
Desporto

Leiriense Carlos Santos faleceu esta quinta-feira

Delegado da Liga Portugal, era também um rosto conhecido no seio da União Desportiva de Leiria. Pedro Proença destaca “a dedicação e o profissionalismo de quem colocou, muitas vezes, o amor pelo futebol à frente de tudo”.

O leiriense Carlos Santos, um rosto conhecido dos campos de futebol, faleceu esta quinta-feira, em sua casa. Delegado da Liga Portugal, de futebol, tinha 62 anos.

Esteve durante muitos anos ligado à União Desportiva de Leiria, quando João Bartolomeu estava na presidência do clube. Foi vogal da direcção em sete mandatos, entre os anos de 1989 e 2001, tendo ainda sido membro suplente do Conselho Fiscal do clube em 2009 e 2011.

A Liga já lamentou a morte do delegado leiriense Carlos Alberto Carreira Santos, que foi admitido em 2002, e que esteve em funções, pela última vez, na segunda-feira, no jogo da II Liga entre o Estoril Praia e o Benfica B.

“Conhecido pelo trato fácil, Carlos Santos não era apenas um delegado, mas um amigo da Liga Portugal e do futebol, tudo fazendo para cumprir escrupulosamente os regulamentos, como era a sua missão, que desempenhava com orgulho e da melhor forma”, refere nota da Liga Portugal.

Também Pedro Proença fez questão de elevar “a dedicação e o profissionalismo de quem colocou, muitas vezes, o amor pelo futebol à frente de tudo”.

“O Carlos Santos era muito acarinhado pelos seus companheiros e uma pessoa que fazia por respeitar o que lhe era pedido num mundo cada vez mais exigente, como é o do Futebol Profissional. Nesse momento, temos de realçar o homem e a sua personalidade, que refletem alguém trabalhador e respeitador”, afirmou o presidente da Liga Portugal, que deixou “uma palavra de conforto” à mulher, a quem a Liga Portugal endereça as mais sentidas condolências.

(Atualização)

O velório acontece na segunda-feira, dia 3, pelas 16 horas, na Casa Mortuária de Leiria. Na terça-feira, as cerimónias prosseguem, a partir das 13h30, na casa mortuária de Monte Redondo. O funeral está marcado para terça-feira, dia 4, pelas 16 horas, na igreja de Monte Redondo e o falecido será sepultado no cemitério local.

Carlos Santos tinha 62 anos e faleceu esta quinta-feira