Select Page

Mão Morta apresentam “No fim era o frio” em Leiria

Mão Morta apresentam “No fim era o frio” em Leiria

Os Mão Morta, liderados por Adolfo Luxúria Canibal, vão apresentar o mais recente álbum, “No fim era o frio”, em Leiria, esta quinta-feira, 30 de janeiro.

“No fim era o frio”, editado no passado mês de setembro, é o mais recente trabalho da banda de Braga, tratando-se de “uma narrativa distópica”, assume a banda.

No Teatro José Lúcio da Silva, os Mão Morta vão apresentar um espetáculo em que “conceitos como aquecimento global ou subida das águas do mar servem de ponto de partida e cenário para um questionar e decompor de diferentes paradigmas do quotidiano”.

O álbum “conceptual” conta uma história de perda, criada de raiz por Adolfo Luxúria Canibal, vocalista do grupo, disse o próprio músico à agência Lusa, em julho de 2019.

O disco é “muito centrado numa história, que atravessa todo” o álbum, “uma distopia, uma história de perda”, contou o músico, referindo que, na génese do novo trabalho da banda, esteve “uma ideia musical de construção, de composição a partir de módulos, uma ideia retirada da música eletrónica”, e que a banda quis “aplicar à música elétrica”.

Segundo Adolfo Luxúria Canibal, as faixas que compõem o disco são propriamente músicas, antes “longos ambientes, a que chamamos módulos”, sem refrão, pontes ou estrofes, frisou.

Os bilhetes para o concerto em Leiria custam 15 euros e podem ser adquiridos na bilhteira do Teatro José Lúcio da Silva ou online, aqui.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Primeira Página

Pergunta da Semana

A carregar

É possível acabar com as manifestações de racismo nos estádios de futebol?

Obrigado pelo seu voto!
Já votou nesta pergunta!
Selecione uma das opções!

Publicidade

Newsletter Região de Leiria

app repórter no mundo